AgronegóciosEducaçãoEsporte e LazerGeralObituárioPolíticaRegiãoSaúdeSegurançaVagas de EmpregoVariedades
ColunistasVídeosÚltimasGaleria de Fotos
ESTÁ DE VOLTA

VITOR HUGO BURKO: “A democracia é a grande solução”

Ex-prefeito de Guarapuava está de volta à cidade, e na ativa

terça-feira, 14 de maio de 2019 - 14:52:00

O ex-prefeito de Guarapuava, Vitor Hugo Burko, está de volta ao solo guarapuavano. “Com nova visão de vida e do mundo, mas com o mesmo sentimento de respeito ao ser humano, ao cidadão”, assegura ele.

Vitor Hugo esteve afastado da política (dos partidos, ao menos), por cerca de 10 anos. Após dois mandatos de prefeito em Guarapuava (1997/2000, 2001/2004), ele assumiu a presidência do Instituto Ambiental do Paraná (IAP) e acabou se transferindo para a capital do Estado, onde permaneceu até 2018. “Sempre mantive contatos em Guarapuava, mas de forma menos intensa. Agora, estou definitivamente na cidade novamente”, destaca.

Em 2006, alçou vôo mais alto e foi candidato a vice-governador, numa composição com Flavio Arns como candidato ao governo do Paraná. Feito inédito para um guarapuavano.

O ex-prefeito se afastou da política após se desfiliar do PV, e não manteve mais filiação partidária. “Eu entendia que a política causou um grande desgaste na minha vida, e principalmente na vida da minha família. Mas nos últimos anos entendi, definitivamente, que todas as mudanças, as boas mudanças, os bons projetos, o processo de desenvolvimento e de valorização do ser humano passam pela política. E se tenho uma missão de ajudar as pessoas, é através da política que posso fazê-lo”.

COM O DEM

Burko está se filiando ao DEM em Guarapuava, partido que mantém dois vereadores: Anderson Marcelo de Lima, o “Marcelinho” (atual presidente da sigla na cidade), e Valdemar dos Santos, o “Vardinho”. “Sempre fui democrata, e o partido tem uma grande identidade com o que acredito ser o melhor para a população”, destaca Burko. A filiação do ex-prefeito deve ser oficializada nos próximos dias.

CONSTRUÇÃO CONJUNTA

A volta de Burko a Guarapuava, segundo ele, está baseada na construção de um novo projeto de desenvolvimento para o município. “Estou reunindo lideranças e a população. Precisamos ouvir as pessoas e definir o que realmente elas necessitam para melhorar a qualidade de vida, para viverem bem na sua cidade. Mas não é apenas ouvir, é debater, é encontrar alternativas viáveis para o desenvolvimento. Eu conheço Guarapuava, cada pedaço dessa terra, mas a realidade mudou nesses 10 anos que estive fora. Muitas pessoas se foram, mas muitos jovens chegaram. A hora é de ouvir, de reunir, de somar esforços”, enfatiza.

POSIÇÕES DEFINIDAS

Vitor Hugo assegura que a sua visão de mundo mudou e ele vê a vida de uma maneira diferente. “Venci um câncer. Passei meses lutando pela vida. Eu venci e entendi que ela (a vida) é frágil e não devemos alimentar dissabores, inimizades ou rancores. Somos todos passageiros e a nossa missão é sermos pessoas boas e fazermos sempre o melhor pelos nossos semelhantes. Sempre fui humanista. Entendo que todas as pessoas são iguais e que o nosso trabalho deve ser priorizado para aquelas pessoas, ou famílias, que têm menos. Quem tem mais condições deve ajudar nesse processo. Repito: respeito o ser humano, não importa a sua condição social, mas o trabalho do administrador público é melhorar a vida de quem tem menos, sem prejudicar aqueles que tem mais”.

Com relação à discussão de um novo projeto para o município, Vitor Hugo afirma que “a democracia é a solução. Temos que ouvir todos, independente da situação econômica, política ou religiosa. Todas as pessoas têm um papel fundamental neste novo momento e devem participar ativamente”.

SURFANDO NAS REDES

Vitor Hugo assegura que ainda é um aprendiz, mas está sendo um aluno dedicado às redes sociais. “É uma ferramenta muito importante. As pessoas passaram a dedicar muito tempo à Internet. É uma ferramenta ágil e que oferece condições de acesso a todas as pessoas. Conseguimos interagir mais rápido e estar em contato direto com todos os segmentos ao mesmo tempo. Por isso, estou também dedicando tempo às redes sociais, onde posso expressar minhas idéias e ouvir as pessoas diretamente”.

Com relação a uma possível candidatura a prefeito de Guarapuava em 2019, Vitor Hugo é enfático: “não é o momento de discutirmos candidaturas, mas sim projetos para o desenvolvimento. Com os projetos concluídos, é a população que definirá quem poderá melhor executá-los. Um passo de cada vez”, conclui.

(Foto: Vitor Hugo em visita à redação do GRMais)

COMENTÁRIOS