AgronegóciosEducaçãoEsporte e LazerGeralObituárioPolíticaRegiãoSaúdeSegurançaVagas de EmpregoVariedades
ColunistasVídeosÚltimasGaleria de Fotos

O NATAL PARA OS QUE SOFREM

por: Jairo Filho

terça-feira, 24 de dezembro de 2019 - 19:24:00

Muitas de nossas lágrimas, espremidas por dores insuportáveis, são impossíveis de serem compartilhadas e entendidas. Quem nunca experimentou uma crise existencial tão profunda que agonizou sozinho por não haver empatia amiga capaz de compreender? Nessas crises, os nossos sentidos doloridos se esquecem do Natal: o sinal claro da presença compassiva de Deus que habita a nossa dor e nos hospitaliza em seu coração paterno.

O Natal é a encarnação do Deus compassivo. O Natal é Deus habitando a vida como ela realmente é. É Deus, sem pecado, sendo gente como a gente. O Natal é a revelação do Deus Filho, Jesus Cristo, “tornando-se semelhante aos homens. E sendo encontrado em forma humana...” (Fp 2:6-8). Ele possuiu um frágil corpo de sangue, músculos, ossos e alma tão sensíveis a dor como nós.

O Filho de Deus veio ao mundo no ventre de uma moça grávida antes do casamento. Educado por pais confusos, imaturos e perseguidos. Ele nasceu, envolto em sangue e lágrimas das dores do parto, numa pobre manjedoura na periferia do mundo. Recebeu o testemunho dos mais marginalizados e esquecidos. Cresceu pobre em contexto de opressão política. Habitou entre os enfermos, os enlutados, os pecadores, os maldosos e suas vítimas. Foi tentado, incompreendido, rejeitado, desprezado, perseguido, oprimido, traído, negado, abandonado, injustiçado e violentado. Chorou, orou, curou e amou a todos até morrer agonizando numa cruz envolto em sangue e lágrimas.

Assim, o Natal é Deus participando das dores desse mundo caído em pecado. É Deus nos reconciliando consigo mesmo através da dolorosa vida e morte de seu filho unigênito. O Natal é o Deus compassivo nos dizendo que sabe o tanto que sofremos. É o Deus consolador suportando conosco as dores, crises, perturbações, conflitos e lágrimas. O Natal é Deus dizendo que você não está abandonado, agonizando sozinho. O Natal é a esperança para os que choram: O Cristo que nasceu, viveu, sofreu, venceu a morte, ressuscitou, subiu aos céus, derramou seu Espírito Santo consolador, intercede por nós, está conosco até a consumação dos séculos e em breve voltará.

Em Cristo, o consolo para os que sofrem no Natal

Jairo Filho - Pastor da Igreja Presbiteriana Bonsucesso.

COMENTÁRIOS





Palavras do Jairo Filho

Jairo Filho

Pastor da Igreja Presbiteriana Bonsucesso, mestrando em Teologia e licenciado em História.