Feira do Produtor Rural continua sendo fonte de alimentos de qualidade para os guarapuavanos

A variedade de itens vai desde produtos de panificação, até frutas, verduras, legumes, embutidos, doces, artesanatos e flores

20/02/2024 17H00

Na tarde desta terça-feira (20 de fevereiro), mais uma edição da Feira do Produtor ocorreu no ginásio da Paróquia Santana. No entanto, a opção de venda de produtos artesanais e de agricultura familiar está presente em diversos bairros de Guarapuava.

“A feira é uma forma de eu ter uma renda extra, porque sou aposentada, então dessa forma a feira me ajuda financeiramente. É uma ação boa. Os meus produtos sempre saem bem, não tenho do que reclamar”, disse Darsila Balbinoti, que participa da Feira do Produtor há três anos e meio.

Com produtos frescos e orgânicos, a Feira se tornou preferência de quem busca por produtos naturais. Também é uma opção com preços mais em conta, como comenta Maria Lourdes dos Santos.

“A gente compra aqui que é mais barato. Ajuda bastante na renda de casa, porque gastamos pouco. E o produto é melhor que do mercado”, ressaltou Maria.

A origem natural dos produtos é sempre um atrativo a mais para os moradores que buscam a Feira, como explica Elisa Bettini.

“A feira é muito boa porque é tudo mais fresco, mais verde, sem agrotóxico. Sempre é melhor do que no mercado. Por isso que sempre está com muita gente comprando”, falou Elisa.

Os produtores participam em diversos bairros levando seus produtos a todas as regiões de Guarapuava, proporcionando aos guarapuavanos a opção de alimentos naturais e de qualidade perto de suas casas.

“É com a venda dessas coisas que a gente se mantém, paga as contas e vive. Tem bastante gente comprando e tem seis feiras que a gente participou (em outros bairros) e vendeu bastante”, comentou Marli Teresinha Newman de Souza, que participa da Feira do Produtor há quatro anos vendendo embutidos.

E mesmo com as Feiras em diversos locais, os moradores procuram as opções que mais lhe agradam. Esse é o caso de Benjamin Kaminski Rodrigues, morador do Bairro Santa Cruz que se deslocou até o bairro Santana para poder comprar produtos frescos na tarde desta terça-feira.

“Eu venho aqui porque é um lugar gostoso, bom de comprar. Hoje saí com a feira completa. Apesar de ter no Santa Cruz, eu gosto daqui e sempre aproveito bem”, contou Benjamin.

A variedade de itens vai desde produtos de panificação, até frutas, verduras, legumes, embutidos, doces, artesanatos e flores. A expectativa dos produtores é de que, cada vez mais, os moradores procurem as feiras.

“Os produtos da nossa feira vêm direto dos produtores, são fresquinhos, e são mais baratos do que nos mercados. Nós temos um espaço bem acolhedor (aqui na Paróquia). Os produtos são de boa qualidade, e os clientes da nossa feira aumentaram muito. Hoje foi uma feira bem especial, foi o melhor dia de vendas, gerou bastante movimento e clientes”, disse alegre Silvana Pazinato, coordenadora da feira da Paróquia Santana.

Confira mais fotos dos produtos clicando AQUI.

CRONOGRAMA DAS FEIRAS

– Paróquia Santana – terças-feiras – 13h às 17h

– Paróquia São João Bosco (Vila Carli) – quintas-feiras – 13h às 17h

– Paróquia Santa Cruz – quintas-feiras – 13h às 17h

– Espaço do Cidadão (Xarquinho)  – sextas-feiras – 13h às 17h

– Rua XV de Novembro (Em frente à loja Casas Pernambucanas) – sábados – 8h às 12h

– Bairro São Cristóvão (Ginásio Municipal José Carlos Kurta) – sábados – 8h às 12h

– Parque do Lago – Feira do Produtor Rural e Urbano – domingos – A partir das 14h.

Deixe seu comentário:

Veja Mais