AgronegóciosEditais - Eleições 2020EducaçãoEsporte e LazerGeralObituárioPolíticaRegiãoSaúdeSegurançaVagas de EmpregoVariedades
ColunistasVídeosÚltimasGaleria de Fotos

Celso Góes entre Gregos e Troianos

por: Rogério Thomas

segunda-feira, 29 de março de 2021 - 22:26:00

Fechando o seu terceiro mês de administração, o prefeito de Guarapuava, Celso Góes, tem colecionado mais alguns cabelos brancos. E é fácil entender o porquê!

De acordo com o dicionário de bolso, “Agradar a gregos e troianos” é um ditado popular que significa o desejo em agradar todo mundo, mesmo aos grupos ou pessoas com ideias divergentes.

Quando se diz que determinada pessoa está agindo para “agradar a gregos e troianos”, quer dizer que não toma um partido ou escolhe uma posição, mas tenta apoiar e ajudar todas as pessoas, inclusive aquelas que são rivais.

Está sendo assim com Celso Góes, que abriu mão de toda uma realidade político partidária para defender os guarapuavanos, seja na Saúde, na economia ou nas questões sociais. Ele entendeu e compreendeu que foi eleito para isso, mesmo que os negacionistas de plantão atirem pedras sem motivos, apenas para atirar mesmo!

Há um ano, Góes era secretário de Saúde, e fazia lives praticamente diárias alertando a população sobre o que estava por vir (a pandemia). Seus cabelos branquearam na luta para conseguir os testes de detecção da Covid-19. E conseguiu! E a doença chegou!

Quando a pandemia já atingia de forma mais violenta o País, Góes, por questões da Legislação Eleitoral, deixou de ser secretário e passou a postular a possibilidade de disputar as eleições municipais.

Mas seria ingenuidade acreditar que ele SE AFASTOU DEFINITIVAMENTE da Secretaria de Saúde. Afinal, deixou um homem de sua confiança na época e que permanece até hoje, demonstrando competência para o cargo. Góes se desligou da Secretaria de Saúde, mas não se afastou.

Foram inúmeros os vídeos do agora prefeito que percorreram a internet onde ele pedia, até de forma acalorada, para que a população mantivesse o distanciamento social, para que usasse máscara, para que ficasse em casa.

Passaram as eleições e Celso Góes se elegeu prefeito!

Acompanhando a live desta segunda, onde o novo decreto trata de forma mais branda a classe empresarial de Guarapuava, fica nítida a frase “entre Gregos e Troianos”.

Eu sempre defendi que todo cidadão, principalmente os com críticas mais ácidas (aquelas sem fundamento ou conhecimento de causa) deveriam assumir o cargo de prefeito ao menos por um mês.

Não é fácil, nada fácil!

De um lado as questões de Saúde, que são prioridade. De outro, os empresários, que precisam trabalhar, e de um terceiro, ainda, os mais necessitados, aqueles que têm apenas e unicamente o governo municipal para olhar por eles.

Na cola de tudo isso, uma pandemia violenta, que não escolhe cor, credo ou situação social para fazer suas vítimas. Ataca de forma impiedosa, e deixa milhares de famílias de luto.

Aos que criticam sem motivo (apenas por criticar mesmo), é preciso entender que a cura está a caminho. A vacina é uma realidade, mas não é o prefeito que determina quantas doses virão para o município e nem é ele quem tem a indústria que produz essas vacinas.

A pandemia está transformando as pessoas que antes eram negacionistas em torcida “do contra”.

Vale lembrar que não é o prefeito que escolhe quem será vacinado e que ele é uma ferramenta para contribuir para salvar as vidas dos guarapuavanos.

Chega de pedras. Mais amor, por favor!

Precisamos olhar com os mesmos olhos, com a mesma vontade de sair dessa (todos nós).

Quem torce contra os projetos para salvar vidas e resguardar a economia, no mínimo, boa pessoa não é!

É hora de união, de somar forças, de acreditar nos dias melhores!

Respeite as regras, elas são para todos! Ajude a fiscalizar, de forma sensata, sem agressões, mas no diálogo. Você é a pessoa mais próxima do seu vizinho, ele te ouve. Todos estamos precisando de um abraço, que logo será possível!

Se conheço Celso Góes, com as pedras que estão lhe atirando ele está construindo um castelo e se fortificando a cada dia.

O melhor que cada um de nós pode fazer é preparar o braço, pois a vacina está próxima e a agulhada vai ajudar a salvar a sua vida!

Sejamos humanos e respeitemos quem está em meio a “Gregos e Troianos”!

(Foto: reprodução Jornal Correio do Cidadão)

COMENTÁRIOS





Somos todos filhos do mesmo Deus!

Rogério Thomas

Formado pela Universidade Estadual de Ponta Grossa (UEPG) em Comunicação Social - Bacharelado em Jornalismo. Já correu esse mundão de Deus, mas ainda não viu de tudo.