Iniciou nesta terça feira (28 de março), a campanha de vacinação contra o vírus da influenza em Guarapuava. Neste ano, todos os grupos prioritários vão ser atendidos durante a primeira etapa de forma simultânea. 

“Ainda essa semana, todas as unidades devem receber doses do imunizante, assim que os estoques forem reforçados com novas remessas. Importante reforçar que,  todas as pessoas do grupo prioritário podem procurar a vacina”, explicou a enfermeira da Vigilância Epidemiológica, Marlene Terezinha Borecki.  

A campanha de imunização vai até 31 de maio de 2023, sendo que 15 de abril é o “DIA D” de vacinação. Em Guarapuava, 68.927 moradores devem participar nesta primeira fase da campanha. O maior público é o de idosos de 60 anos ou mais, 25.544 pessoas, seguido pelo público infantil (2 a 5 anos), que somam 10.919 crianças. 

“É muito importante se prevenir contra essas doenças que podem levar à morte de tantas pessoas. Por isso, hoje, já vim no primeiro dia de Campanha para garantir minha imunização. E além da vacina contra a gripe, também estou garantindo para tomar a bivalente contra a Covid-19”, enfatizou a paciente Rosa Noriko, de 66 anos. 

Neste primeiro momento, 7 unidades de saúde do município estão realizando a aplicação do imunizante. Sendo elas: Cisgap, Entre Rios, Vila Bela, Bonsucesso, Morro Alto, Planalto e Xarquinho II.   

PÚBLICO ALVO

-Crianças de 6 meses a menores de 6 anos de idade (5 anos, 11 meses e 29 dias); -Trabalhador da Saúde; 

-Gestantes; Puérpera;  

-Professores do ensino básico e superior; 

-Povos indígenas; 

-Idosos com 60 anos ou mais de idade; 

-Profissionais das Forças de Segurança e Salvamento; 

-Profissionais das Forças Armadas;  

-Pessoas com doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais;

-Pessoas com deficiência permanente; 

– Caminhoneiros; 

-Trabalhadores de transporte coletivo rodoviário para passageiros urbanos e de longo curso;

-Trabalhadores Portuários; 

-Funcionários do sistema de privação de liberdade e adolescentes e jovens de 12 a 21 anos de idade sob medidas socioeducativas.

Deixe seu comentário:

Veja Mais