AgronegóciosCafé DiárioEducaçãoEsportesGeralPolíticaRegiãoSaúdeSegurançaTrânsitoVapt-VuptVariedades
ColunistasVídeosÚltimasGaleria de Fotos
PÁSCOA

Ovos de Páscoa ficam até 20% mais caros em relação ao ano passado

Os novos valores, que podem ultrapassar os R$ 70, têm assustado consumidores

terça-feira, 28 de março de 2017

Os preços dos ovos de Páscoa foram ajustados em até 20% em relação ao ano passado, os novos valores, que podem ultrapassar os R$ 70, têm assustado consumidores. Para esta Páscoa, muitas pessoas deverão buscar alternativas para presentear com chocolate os amigos e parentes. As principais escolhas devem ser os novos kits montados pelas empresas, com barras e bombons sortidos.

As vendas estão caindo ano após ano, já que muita gente não vê viabilidade na relação entre o peso do chocolate e o valor pago. As barras, por exemplo, são muito mais baratas e trazem às vezes até mais chocolate, o que vem dando menos espaço aos ovos de Páscoa. 

O ovo é um produto sazonal. Se não for vendido antes da Páscoa, ele perde valor e se torna prejuízo. Já os outros chocolates podem continuar a ser vendidos depois da data sem problemas.

A própria indústria de chocolate, identificando esse novo hábito do consumidor, se preparou para isso. Para este ano, foram desenvolvidos novos kits, compostos por bombons e barras de chocolate, que saem mais em conta.

Os kits com bombons e barras custam, em média, R$ 25. Os preços dos ovos de tamanho médio, entre 200 e 240 gramas, saem por até R$ 35. Já os que trazem em torno de 350 gramas saem por R$ 45. Ovos de personagens infantis, com brinquedo e cerca de 170 gramas de chocolate, são vendidos em média a R$ 50. Já os ovos mais elaborados, de marcas famosas, estão de R$ 55 a mais de R$ 70.

 

COMENTÁRIOS