AgronegóciosCafé DiárioEducaçãoEsportesGeralPolíticaRegiãoSaúdeSegurançaTrânsitoVapt-VuptVariedades
ColunistasVídeosÚltimasGaleria de Fotos

Após 10 jogos, uma breve análise

por: Márcio Nei dos Santos

terça-feira, 23 de maio de 2017

No último sábado (20) a equipe do Poker/Óleo Leve/Guarapuava Futsal conquistou uma excelente vitória, por 6x2, sobre o Tubarão (SC), pela quinta rodada da Liga Nacional de Futsal (LNF). A partida, disputada no ginásio Joaquim Prestes, foi a 10ª do clube guarapuavano na temporada 2017 (levando em conta apenas jogos oficiais). Com isso já é possível traçar uma breve análise, com base nos resultados obtidos até o momento.
 
Nestas 10 partidas (da LNF e do Campeonato Paranaense de Futsal - Série Ouro), o time de Guarapuava conquistou quatro vitórias, dois empates e quatro derrotas, resultando em um aproveitamento de 46% dos pontos possíveis. O desempenho no Joaquinzão é claramente superior à performance fora de casa. Em Guarapuava, a equipe teve três vitórias, um empate e uma derrota. Já na casa dos adversários, foram três derrotas, um empate e uma vitória.
 
Um dos pontos fortes da equipe é o ataque. O time balançou as redes adversárias 32 vezes (média de 3,2 gols por jogo) e conta, atualmente, com o artilheiro da LNF, o ala Pelé, com cinco gols anotados na competição nacional (média de um gol por partida). Por outro lado, a defesa ainda não encontrou seu melhor entrosamento, pois sofreu, ao todo, 27 gols (apenas na vitória sobre o Concórdia, por 4x0, a equipe terminou uma partida sem sofrer gol).
 
Já o ponto fraco (como já era de se esperar) é o elenco reduzido. O técnico João Carlos Barbosa (Banana) conta com poucas opções para compor seus quartetos, com isso os jogadores vêm sofrendo com o desgaste físico. Devido às dificuldades financeiras, o clube optou por montar um time com poucas peças de reposição. Problema que dificilmente será resolvido nesta temporada.
 
Sequência em casa
O próximo compromisso da equipe de Guarapuava será na próxima sexta-feira (26), na longínqua cidade de Belo Horizonte (MG), contra o Minas, pela LNF. Após esta partida, porém, o time terá quatro jogos em casa (dois pelo Paranaense e dois pela LNF). No dia 31, receberá o Campo Mourão Futsal (Série Ouro), no dia 3 de junho, o Marreco Futsal (LNF), no dia 7, o Cascavel Futsal (Série Ouro) e no dia 10, o Calos Barbosa-RS. Será a chance de deslanchar nas duas competições e, além disso, amenizar a dificuldade financeira, com a venda de ingressos. Mas para que estes dois

 

COMENTÁRIOS





Clique Esporte

Márcio Nei dos Santos

Graduado em Comunicação Social (Publicidade e Propaganda), atua como fotógrafo e repórter esportivo. Desde 2009, é redator do blog Clique Esporte.