AgronegóciosEducaçãoEsporte e LazerGeralObituárioPolíticaRegiãoSaúdeSegurançaVariedades
ColunistasVídeosÚltimasGaleria de Fotos
MELHOR FLUIDEZ

Caos no Trevo do Cavalo em Guarapuava pode estar com dias contados

Secretaria de Trânsito busca soluções para problemas no trânsito do local

terça-feira, 15 de maio de 2018 - 17:00:00

Estudos e mapeamentos estão sendo realizados para que sejam resolvidos os problemas de trânsito no Trevo do Cavalo, em Guarapuava. O local é um dos pontos onde tem mais reclamações dos motoristas e pedestres, além dos inúmeros acidentes registrados.

De acordo com o gerente de Trânsito, Trafego e Transporte da Secretaria de Trânsito de Guarapuava, Adalberto Campos, há varias alternativas que estão sendo estudadas para que o trânsito flua melhor no local. Mas, segundo Adalberto, a que efetivamente funcionaria é a implantação de semáforos, porém para que isso aconteça será necessário que o monumento do Cavalo seja retirado do local. “O que pode funcionar bem ali é a implantação de semáforos, o que disciplinaria o ponto. Porém, há necessidade de remover a rotatória e o cavalo. Com a rotatória ali é inviável por os sinaleiros, deixará pior do que está”.

A outra alternativa é abrir mais uma rua logo à frente da rotatória e implantar um sinal lá em baixo. Porém, Adalberto explica que uma intervenção dessa custa dinheiro e deve ser muito bem pensada porque se faz uma obra dessa e dá errado é dinheiro perdido. “Por isso este tipo de obra demanda mais tempo na execução e análise, tudo tem que ser bem calculado, para que fique funcione da melhor forma, sem congestionamentos e se evitem acidentes ali”.  

A terceira opção é abrir a rua que passa em frente a uma concessionárias de veículos, possibilitando que os motoristas que vem da rodoviária sentido Avenida  consigam passar daquela rua para a Avenida. “Essa rua que passa em frente a concessionária hoje possibilita o motorista a entrar na rua Nereu Ramos, mas a intenção é que ele possa atravessa e chegar até a Avenida, sendo assim haveria duas opções de saída para quem vem da rodoviária, o que permitiria mais fluidez”.

Segundo Adalberto, nas próximas semanas uma equipe estará no local realizando a contagem do veículos, analisando a fluidez do trânsito.   

(Foto: GRmais)

COMENTÁRIOS