AgronegóciosCafé DiárioEducaçãoEsportesGeralPolíticaRegiãoSaúdeSegurançaTrânsitoVapt-VuptVariedades
ColunistasVídeosÚltimasGaleria de Fotos
PREVENÇÃO

Campanha de Vacinação contra a Gripe inicia na próxima segunda-feira

Os grupos de risco devem tomar a vacina o mais cedo possível, portanto orientamos que as pessoas se dirijam até a UBS mais próxima

quinta-feira, 13 de abril de 2017

A Secretaria de Saúde, por meio do Departamento de Epidemiologia informa que a partir da próxima segunda-feira (17), começa a Campanha de Vacinação contra a Gripe 2017. Devem se vacinar gratuitamente, crianças de 6 meses a 4 anos 11 meses e 29 dias de idade; Gestantes independentemente da idade gestacional; Puérperas; Idosos acima de 60 anos; Servidores da Saúde; Indígenas; Cidadãos privados de liberdade; Funcionários do Sistema Prisional e professores da rede pública e privada que deverão apresentar a declaração fornecida pelas secretarias das escolas

De acordo com diretora da Divisão Epidemiológica do município, Chayane Andrade, a campanha segue até o dia 17 de maio. "Serão disponibilizadas 44 mil doses da vacina. Ela previne a H1N1; H3N2 e Influenza B. Os grupos de risco devem tomar a vacina o mais cedo possível, portanto orientamos que as pessoas se dirijam até a UBS mais próxima da residência para receber a vacina", esclareceu Chayane, lembrando que é indispensável a apresentação da carteirinha de vacinação e documento de identificação com foto.

Dicas para combater a Influenza
A influenza é uma doença respiratória e é transmitida entre pessoas, através da tosse, espirro ou contato com secreções de pessoas infectadas. Além da vacina, também há outras formas de evitar o contágio. Algumas atitudes simples, como higienizar as mãos com frequência com sabão ou álcool; Cobrir a boca e o nariz ao espirrar, preferencialmente com lenço ou antebraço e; Manter portas e janelas abertas para circulação de ar ajudam a prevenir a doença.

Além disto, ao sinal de qualquer sintoma mais preocupante, como febre alta e/ou dificuldade respiratória, é necessário comparecer até a Unidade Básica de Saúde com urgência. A Secretaria de Saúde também pede aos cidadãos que não se automediquem. 

COMENTÁRIOS