AgronegóciosEducaçãoEsporte e LazerGeralObituárioPolíticaRegiãoSaúdeSegurançaVariedades
ColunistasVídeosÚltimasGaleria de Fotos
FEMINICÍDIO

Guarapuavana grávida de 3 meses é encontrada morta enrolada em cobertor dentro de carro

Marido confessou o crime

segunda-feira, 6 de agosto de 2018 - 14:40:00

Mais uma guarapuavana foi vítima de feminicídio. A jovem Andreia Campos,  de 28 anos, natural de Guarapuava, residente no Jardim Carvalho e que há um ano e meio foi para Jaraguá do Sul, foi assassinada pelo marido neste domingo (05 de agosto). 

Andreia  foi encontrada morta ontem em Jaraguá do Sul, no Norte catarinense, enrolada em um cobertor dentro de um carro. O marido dela, de 39 anos, confessou o crime à Polícia Militar e foi preso. Ele tem passagens criminais por violência doméstica e agressão.

Conforme a PM, no domingo, a guarnição foi acionada por volta das 18h30 com relato de vizinhos de um possível homicídio no bairro Jaraguá Esquerdo. Ao chegar na residência denunciada, encontraram o corpo de Andreia Campos Araújo dentro do carro.

O marido, Marcelo Kroin, confirmou o crime a polícia e disse que tinha ocorrido depois de uma briga do casal. Ele afirmou ter dado um soco na vítima, que morreu após bater a cabeça no chão. Ele foi preso em flagrante no local.

BRIGA APÓS FESTA

Conforme o 14º batalhão da PM, o marido afirmou que na noite anterior teria ido a uma festa com a mulher, mas após uma discussão, ela permaneceu no evento e ele voltou para casa.

Marcelo Kroin diz  ter dado um soco na esposa "que bateu a cabeça no chão e em seguida deu alguns suspiros e morreu", conforme relatou à PM.

O corpo de Andreia será velado e sepultado em Santa Catarina.

 

COMENTÁRIOS